Dentição Decídua

Inicia-se aproximadamente aos 6 meses de vida, com erupção do ICId (Incisivo Central Inferior decido). Completa aproximadamente aos 24-30 meses com erupção dos últimos dentes decíduos (segundos molares descidos). Seu término é dado até os 5,5 – 6 anos com erupção do primeiro dente permanente, sendo o 1MI (primeiro molar inferior) permanente. A cronologia de erupção é muito variável, sendo a sequência mais importante.

Dentadura Mista

Até o último dente decido esfoliar, sendo esse, o segundo molar inferior decíduo (2MId)

Dentição Permanente

Aos 12 anos – segundos molares permanentes
Aos 18 anos – terceiros molares. Obs.: clinicamente, podemos não considerar os terceiros molares. [divider]

Sequência de erupção – Dentes Decíduos

  1. Incisivos Centrais Inferiores
  2. Incisivos Centrais Superiores
  3. Incisivos Laterais Superiores
  4. Incisivos Laterais Inferiores
  5. Primeiro Molar Inferiores
  6. Primeiro Molar Superiores
  7. Caninos Inferiores
  8. Caninos Superiores
  9. Segundos Molares Inferiores
  10. Segundo Molares Superiores

Obs.: geralmente, os dentes mandibulares (inferiores) nascem um pouco antes que os maxilares (superiores).

Característica Morfológicas da Dentadura Decídua

1 – Arcos semi-circulares;

2 – Diastemas generalizados (normalidade): a presença de diademas indica que os dentes que serão sucessores terão espaço para se acomodar adequadamente, já que eles são maiores que os antecessores.

3 – Implantação vertical dos dentes decíduos nos processos alveolares: os dentes decíduos não têm inclinação nos processos alveolares, ou seja, têm uma implantação vertical;

4 – Ausência de curvas compensatórias (Curva de Spee e Wilson): decorrente da compensação vertical dos processos alveolares;

5 – Espaços primatas: mesiais de caninos superiores e distal de caninos inferiores > providencia espaço dimensional de caninos decíduos e permanentes;

6 – Sobremordida: de 0 a 3 mm (normal); > 3 mm (profunda); < 0 mm (aberta);

7 – Sobressaliência de 0 a 3 mm;

8 – Relação dos caninos em classe I;

9 – Plano terminal do 2Md = reto ou degrau mesial. É aceitável no máximo um pequeno degrau mesial.
– Sem degrau = mordida topo a topo;
– Degrau mesial = Classe I;
– Degrau distal = Classe II;
– Grande degrau distal: Classe III.  [divider]

(Linden, 1986)

  • Primeiro período transicional
  • Período intertransicional
  • Segundo período transicional

Primeiro Período Transicional

Nesse período ocorre 2 eventos importantes:

  1. Erupção dos primeiros molares permanentes;
    – Com a erupção do primeiro molar permanente, surge a necessidade de controle clínico do perímetro do arco. Caso extraia um dente decíduo, há a necessidade de um mantenedor de espaço
  2. Troca dos incisivos decíduos pelos permanentes [divider]

Período Intertransicional

É um período estável entre os dois períodos de trocas dentárias. Não há trocas dentárias e há na boca um total de 24 dentes, sendo eles 12 decíduos e 12 permanentes simultaneamente.

Fase do Patinho Feio (Broad dent)

  • 8 – 12 anos
  • divergências das coroas dos incisivos superiores
  • canino no ápice do lateral [divider]

Segundo Período Transicional

Neste período, ocorre a troca dos caninos e molares descidos pelos caninos permanentes e pré-molares. Há também o ajuste da relação molar – Classe I, bem como, a erupção dos segundos molares permanentes

Espaço Livre de Nance 

  • + 1,8 mm na maxila
  • + 3,4 mm na mandíbula

Isso porque:

– O canino decíduo é MENOR que o Canino permanente;
– O primeiro molar decido é IGUAL ao Primeiro Pré-molar;
– O segundo molar decíduo é muito MAIOR que o Segundo Pré-molar.

Esse espaço que sobra no Segundo Período Transicional é definido como o Espaço Livre de Nance. [divider]

Conteúdo retirado da aula do Prof. Ricardo Moresca, Universidade Positivo

2 COMENTÁRIOS

  1. Oii boa noite, quais são os dentes antecessor e sucessor, é que eu to fazendo um trabalho a respeito disso e não to achando em lugar nenhum você poderia me ajudar.
    Obrigado desde já .

    • Olá, Lorena

      Sobre a sua pergunta: “Quais são os dentes antecessor e sucessor?”
      Lorena, acredito que a sua pergunta tenha ficado um pouco vaga. Dente antecessor à quê? Você quer dizer os dentes decíduos e quando você se refere a sucessor os dentes permanentes?

      Caso a dúvida permaneça, entre em contato conosco e faremos uma pesquisa prévia para ajudá-la.

      Grande Abraço.

ENVIE UMA RESPOSTA