Hemograma e Leucograma

Hemograma e Leucograma

[tabs type=”horizontal”][tabs_head][tab_title]Hemograma Total [/tab_title][/tabs_head][tab]Diversas provas efetuadas, com a finalidade de avaliar quantitativa e qualitativamente os componentes celulares do sangue. Os itens avaliados incluem: hemácias, hemoglobina, hematócrito, índices hematimétricos, leucócitos totais, contagem diferencial de leucócitos, plaquetas e exame microscópico de esfregaço de sangue corado.[/tab][/tabs]

  • A avaliação eritrocitária pode identificar processos anêmicos, policitêmicos, alterações de forma e tamanho das hemácias.
  • A avaliação leucocitária pode identificar processos inflamatórios, infecciosos, alérgicos, parasitários e leucêmicos. Além da presença de elementos anormais e de atipias linfocitárias.
  • A avaliação plaquetária identifica processos de trombocitopenias adquiridas ou hereditárias e trombocitoses.

Os resultados auxiliam a identificação de doenças de origem primária ou secundária de características agudas ou crônicas. São utilizados também para acompanhar a evolução de uma variedade de doenças e para monitorar os efeitos colaterais decorrentes do uso de medicamentos.

images (1)Série Vermelha

  • A contagem de hemácias é a primeira informação fornecida e é expressa em milhões por mm3.
  • A concentração de hemoglobina é expressa em g/dL à anemia
  • O volume relativo das hemácias dentro do volume de sangue é fornecido pela análise do hematócrito, que é expresso percentualmente.
  • HEMATÓCRITO: massa total células sangüíneas àVCMà500 hemácias: 1 leucócito: 30 plaquetas
  •  HEMOGLOBINA: pigmento respiratório responsável pelo transporte de O² à 32% hemácia à CHCM (CONCENTRAÇÃO DE HEMOGLOBINA CORPUSCULAR MÉDIA)

Leucócitos-2Série Branca

  • Leucometria

> nº absoluto de LEUCÓCITOS por mm³ de sangue.

> 5.000 a 9.000 células/ mm3 sg

 

Valores citológicos referenciais:

Série Elitrocítica/ vermelha

  • Hemácias: Homens : 4.5 a 5.9 milhões/ mm³ e Mulheres: 3.9 a 5.3  milhões/ mm³
  • Hemoglobina: Homens> 14 a 18 g/dl sg e Mulheres> 12 a 16 g/ dl sg.
  • Hematócrito: Homens> 39 a 54% e Mulheres> 37 a 46%

Série Leucocitária/ branca

  • Leucometria global: 4 a 10 mil/ mm³
  • Neutrófilos: 40 a 65% -> 2000 a 7500/ mm³
  • Eosinófilos: 0 a 3% -> ± 200/mm³
  • Basófilos: 0 a 1% -> ± 40/ mm³
  • Linfócitos: 25 a 35 % -> ± 2500/ mm³
  • Monócitos: 4% -> ± 300/mm³

Leucograma

Análise das alterações morfológicas dos leucócitos por observação microscópica do esfregaço corado (contagem diferencial de leucócitos): lâmina de sangue corada (Giemsa)

A contagem diferencial é de grande importância, podendo definir perfis patológicos, e é fornecida pela análise conjunta dos equipamentos automatizados e pela leitura do esfregaço corado, que avalia as diferentes formas leucocitárias e as expressa de forma percentual (relativa) e em mm3 (absoluta).

Plaquetas

A avaliação das plaquetas pode ser feita de forma quantitativa, expressa em mm3, e de modo qualitativo, pela avaliação das características analisadas no esfregaço corado, o que permite a identificação de possíveis alterações morfológicas.

As alterações quantitativas podem ser tanto o aumento da quantidade de plaquetas, chamada hiperplaquetemia, quanto a diminuição, denominada plaquetopenia.

Anemia: Redução da taxa de HEMÁCIAS, de HEMOGLOBINA e dos VALORES CORPUSCULARES. Podendo ser manifestação de várias doenças.

  • ANEMIA DISCRETA: hb 9 a 12 g/dl à palpitação, sudorese, dispnéia
  • ANEMIA MODERADA: hb 7 a 9 g/dl à idem + fadiga muscular e sonolência
  • ANEMIA SEVERA: hb 3 a 7 g/dl à idem + hipotensão, síncopes e anorexia.

Característica clínica: língua despapilada, lisa, pálida e brilhante.

caracteristicas clinicas anemia
Características clínicas de pacientes diagnosticados com anemia

Cuidados com o paciente:

  • observar atentamente as características físicas do paciente;
  • realizar uma anamnese detalhada sempre;
  • dúvidas à solicitar exames;
  • no atendimento a pacientes doentes atuar em conjunto c/ o médico;
  • não subestimar protocolos.

[author image=”https://fbcdn-sphotos-e-a.akamaihd.net/hphotos-ak-frc1/486052_4576189795142_2075189094_n.jpg” ]Jefferson P. Oliveira, 24 anos. Acadêmico do curso de Odontologia da Universidade Positivo, Curitiba – PR [/author]

ARTIGOS SIMILARES

0 55

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe um comentário