“O sistema imunológico é a força de defesa do organismo”.

Linfa = água nascente/pura

É um sistema paralelo ao sistema circulatório constituído por uma rede de vasos espalhados por todo o corpo.

Função do Sistema Linfático: Limpeza e Defesa

  • Atua na defesa do organismo: Produz linfócitos (neutrófilos/macrófagos) e produz
    anticorpos.
  • Destruição de bactérias e remoção de partículas estranhas: remoção através dos fagócitos, principalmente os macrófagos (linfonodos);
  • Resposta imune especifica: produção de anticorpos que promovem a destruição do antígeno;
  • Retorno do Líquido Extracelular a corrente sanguínea: proteínas deixadas pelos capilares sanguíneos no liquido extracelular são devolvidos ao sangue através do sistema linfático. Pois se permanecer nos espaços extracelulares a pressão osmótica aumentaria.

Consiste de: LINFA, VASOS E ÓRGÃOS LINFÁTICOS

– Rede de capilares e amplos vasos coletores (vasos linfáticos) que recebem líquido
tecidual do corpo e transportam para o sistema cardiovascular;

– Linfonodos
que servem como filtros do liquido coletado pelos vasos;

– Órgãos
linfóides, que incluem linfonodos, tonsilas, o baço e o timo.

Os capilares linfáticos estão presentes em quase todos os tecidos do corpo. Os mais finos vão se unindo aos vasos linfáticos maiores que terminam em dois grandes canais principais:

Canal torácico – recebe a linfa da parte inferior do corpo, do lado
esquerdo da cabeça, do braço esquerdo e das partes do tórax

Canal Linfático Direito – recebe a linfa procedente do lado direito da cabeça, do
braço direito e da parte do tórax, que desembocam em veias próximas ao coração.

Órgãos Linfáticos

  • Primários

Timo e Medula óssea

– Amadurecimento de linfócitos e tolerância

  • Secundários

Tonsilas, Timo, Baço, Placas
Payer, Tecidos associados à mucosa e Linfonodos.

– Resposta Imune

Baço:  As funções do baço incluem produção de anticorpos,
fagocitose de glóbulos vermelhos velhos e partículas estranhas ao corpo. O baço
atua como um filtro para a corrente sanguínea, muito mais que os linfonodos
para a corrente linfática. O baço serve também, como um reservatório de sangue
(embora com capacidade limitada – 200 ml).

Timo: O órgão mais desenvolvido no período pré-natal evolui desde o nascimento até a puberdade. O timo é uma massa bilobada de tecido linfóide localizada abaixo do
esterno, na região do mediastino anterior. Ele aumenta de tamanho durante a infância,
quando então começa a atrofiar-se lentamente. O timo confere a determinados linfócitos a capacidade de se diferenciarem e maturarem em células que podem efetuar o processo de imunidade mediada por células. Ha evidências de que o timo também
produz um hormônio que pode continuar a influenciar os linfócitos apos eles terem deixado a glândula.

SISTEMA LINFÁTICO DIFUSO

Nódulos linfáticos;

Órgãos linfáticos mais numerosos do organismo com o objetivo de filtrar
a linfa e eliminar corpos estranhos que ela possa conter como vírus e bactérias.

As tonsilas se dividem em:

– tonsilas faríngeas (inflamam = adenóide)

– tonsilas palatinas

– tonsilas linguais

Aglomerados de tecido linfóide com cápsula incompleta.

Tecido linfóide associado ao brônquio;

Tecido linfóide associado ao tubo digestivo

Nódulos linfáticos isolados  – Placas de Payer.

Linfa: é o liquido que encontramos nos vasos linfáticos. A composição da linfa é
praticamente a mesma do sangue, não havendo a existência de glóbulos vermelhos,
o que faz a linfa ser de coloração transparente. Por ela circulam proteínas, hormônios, glóbulos brancos, e ocasionalmente, dos intestinos ao fígado – nutrientes (moléculas de gordura).

Vasos Linfáticos: Dividem-se em capilares, vasos e ductos. A linfa que nele
percorre, é movida por seis mecanismos:

  1. Formação de nova linfa que impulsiona a já existente;
  2. Massagem dos músculos sobre os vasos;
  3. Os vasos, por se encontrarem próximos das artérias, sofrem a influencia dos batimentos cardíacos;
  4. A linfa da região abdominal é sugada para o coração pelo vácuo formado na caixa torácica
    pelos movimentos respiratórios;
  5. Os vasos linfáticos possuem movimentos de contração. As válvulas neles existentes impedem o refluxo possibilitando o transporte da linfa em uma única direção;
  6. As linfas das regiões acima do coração sofrem a atração da força da gravidade.

Obs: A continuação desse post será postado na semana que vem, aguardem.

1 COMENTÁRIO

  1. It’s hard to find your page in google. I found it on 19 spot, you should build quality backlinks , it will help you to increase
    traffic. I know how to help you, just search in google – k2 seo tricks

ENVIE UMA RESPOSTA