Objetivos

1) Entender o pH;

2) Discutir como funcionam os tampões;

pH – Potencial de hidrogênio
Escala que mede a concentração de ácido em determinadas soluções
> Indica-se a solução básica ou neutra.

Ácidos – Substâncias químicas que quando colocadas em H2O liberam H+ (prótons).

acido1

Bases – Substâncias químicas que quando colocadas em H2O liberam OH hidroxila.

base1

pH da água pura

Mais importante que tudo:

  • ­ [H+] – ¯pH mais ácido, menor o pH;
  • ¯ [H+] – ­pH menos ácido, maior o pH;
  • H+ = OH – pH é = 7,0 (neutro);
  • H+ > OH – pH é < 7,0 (ácido);
  • H+ < OH – pH é > 7,0 (básico).

pH de soluções fisiológicas

pH da saliva: (6,5 – 7,5) > 7,0.

(quando a boca da pessoa for saudável).

Quando o pH bucal for menor que 5,5 eles desmineralizam.

pH < 5,5 – desmineralização

  • Carie dentária;
  • Erosão dentária.

pH > 8,0 – calculo dentário (aglomeração de mineral)

  • Doença periodontal

pH do sangue

7,35 – 7,45 (7,40)

OH > H+

pH menor que o normal = acidose  = pH : 6,8 = óbito

Ex.: Diabetes, PCR (Parada cardio respiratória), exercícios físicos, hábitos alimentares entre outros.

 pH maior que o normal = alcalose = pH > 8 = óbito

Ex.: Vômitos recorrentes, infecções.

pH da urina

4,0 – 8,0 (6,0)

O pH da urina reflete o pH do sangue

Eliminação do H+
Reabsorção de OH
Urina

>  Obs.: Insuficiência renal > desequilíbrio ácido e básico do sangue [divider]

 Tampão

São substâncias que capturam pequenas quantidades de ácidos (H+) ou bases (OH) estabilizando o pH.

Ex.:
– HCO3 (bicarbonato);
– HPO4 (fosfato);

hcl

HCO3 + H+ >  H2O + CO2

Obs.: O tampão bicarbonato é o principal tampão do sangue.

Regulação do equilíbrio acido básico

Qual a importância de manter o pH do corpo estável?

Qualquer desequilíbrio pode ocasionar acidose ou alcalose. Esses desequilíbrios podem afetar o metabolismo celular.

Quais são as linhas de defesa contra as mudanças de pH?

1° Tampões

  • Substâncias que capturam (H+) ou (OH) estabilizando pH;
  • São a linha de defesa mais rápida.
  • – Bicarbonato (HCO3) (mais importante)

Como ele funciona quando há acidose?

HCO3 + H+ = H2CO3 = CO2 + H2O
Obs.: O que ocorre se a pessoa tiver parada respiratória?
Concentração de CO2 que reage com agua, aumentando a concentração de H+.

  • – Fosfato (HPO­­4)
  • Importante para controlar eventos de alcalose

mais ¯H+­, mais pH, mais  ­OH

HPO4-2 + OH > HOH + PO4-3

1.3 – Proteína (hemoglobina) –  menor Hb = anemia

  • Hb é encontrada nos glóbulos vermelhos. Sua função é transportar oxigênio dos pulmões para as celas;
  • Hb também é um tampão

CO2 é produzido no Metabolismo celular – células

(Resíduo do organismo)

2° Pulmões

  • 2° linha de defesa;
  • São responsáveis pelas trocas gasosas (CO2 – O2);

Como funciona quando existe acidose?

HCO3 + H+ > H2CO3 > ^ ­CO2 + H2O
Taquipméia = maior ­F.R.

Como funciona o pulmão em alcalose?

maior pH,  maior ­OH , menor ¯H+
HCO3 + H+ >  H2CO3 = CO2 + H2O
menor F.R = Bradipnéia > reter CO2 para repor H+

Acidose = joga fora (Taquepineia)

Alcalose = absorve (Bradipnéia)

3° Rins

  • 3° Linha de defesa;
  • Mais lenta porém eficaz;
  • Nífron: Unidade filtradora do rin

A – Filtração glomerular: remoção de impurezas do sangue;

B – Reabsorção tubular: “devolve” para o sangue;

C – Secreção tubular: remoção de resíduos do sangue.

Rins Acidose Alcalose
Filtram H+ OH
Reabsorvem OH/HCO3 H+
Secretam H+ OH

Resumo baseado na aula do Prof. João Armando Brancher
Contribuição: Leonardo Martins Sant’Anna [divider]

ENVIE UMA RESPOSTA